Como montar uma pizzaria: guia dos primeiros passos

Se você está pensando em montar uma pizzaria, saiba que grandes oportunidades o aguardam… 

Só para você ter uma ideia, de acordo com a Associação de Pizzarias Unidas do Brasil, cerca de um milhão de pizzas são consumidas no país por dia. Isso mesmo: um milhão de pizzas. Por dia! 

São Paulo é a principal responsável por isso. Afinal, os paulistanos consomem mais da metade do total de pizzas feitas no Brasil.

Além disso, globalmente, a capital paulista é a segunda cidade em que mais se come pizza no mundo – perdendo apenas para Nova York.

Ou seja, o que não falta é demanda para a venda desse prato que, apesar de ter nascido na Itália, é uma paixão nacional, e ao longo dos anos recebeu adaptações bem brasileiras… 

A boa notícia é que, se você está pensando em abrir uma pizzaria, nós podemos ajudá-lo nessa jornada empreendedora! 

Para isso, listamos neste artigo algumas dicas fundamentais sobre como montar uma pizzaria. A seguir, você descobrirá:

– Quais são os tipos de pizzarias e de pizzas;
– O que levar em conta na avaliação do mercado de pizzarias em sua região;
– Investimentos necessários para abrir uma pizzaria;
– Equipamentos que você precisa para montar uma pizzaria. 

Vamos lá?

Tipos de pizzas

O que avaliar antes de montar uma pizzaria – Tipos de pizzas e de pizzarias

De forma bem resumida, podemos dizer que a pizza nada mais é do que uma massa, com molhos e acompanhamentos, que é assada sob alta temperatura.

Simples, certo?

Porém, existem algumas variações na forma como esses itens são produzidos e montados. Em geral, os tipos de pizzas podem ser divididos da seguinte forma:

🍕🇮🇹 Pizza italiana

Tem uma massa mais fininha, não leva muito molho e os acompanhamentos geralmente são mais minimalistas. 

🍕🇺🇸 Pizza americana

Nos Estados Unidos, há dois tipos de pizza:

1) A pizza estilo Nova York, que tem uma massa um pouco mais grossa, feita com uma farinha menos refinada e com óleo, o que garante certa crocância;
2) A pizza de Chicago, que mais parece uma torta – a massa é mais alta, leva recheios e bastante molho de tomate.

🍕🇧🇷 Pizza brasileira

Por aqui, juntamos o melhor dos dois mundos. A pizza tupiniquim tem uma massa não tão fina quanto a italiana, mas não tão grossa quanto a americana. O grande atrativo é a variedade e a abundância de opções de cobertura. Além disso, a borda recheada também é uma invenção brasileira.  

Segundo uma pesquisa nacional, os sabores de pizza mais populares no Brasil são:

  1. Calabresa;
  2. Portuguesa;
  3. Marguerita;
  4. Frango com catupiry;
  5. Muçarela;
  6. Napolitana;
  7. Brigadeiro;
  8. Romeu e Julieta;
  9. Creme de avelã com frutas;
  10. Califórnia.

Tipos de pizzarias

Os tipos de pizzaria variam de acordo com o modelo de venda e entrega dos produtos. Neste sentido, você pode escolher montar uma pizzaria:

  • À la carte – Este é o formato mais tradicional de pizzaria. Nele, o cliente escolhe a pizza a partir do cardápio sugerido;
  • Rodízio – Trabalha com preço fixo e oferece uma gama variada de tipos de pizza, que são oferecidas diretamente na mesa; 
  • Fast foodTem o modelo americano de fast food e geralmente comercializa apenas pedaços de pizzas para consumo imediato;
  • Delivery – A principal característica deste negócio é trabalhar apenas com o sistema de entrega em domicílio.

O que avaliar antes de montar uma pizzaria

O que avaliar antes de montar uma pizzaria

Já falamos em outros artigos aqui no Blog do Roldão sobre a importância de se desenvolver um plano de negócio bem detalhado para que sua ideia saia do papel com muito mais chances de dar certo.

Inclusive, nesse sentido, recomendamos que leia este artigo: Como empreender com sucesso como MEI ou autônomo 

Para a montagem desse plano de negócio com o objetivo de montar uma pizzaria, é importante reunir informações como, por exemplo:

🕵️‍♂️ Os concorrentes na sua região 

– Quais são as pizzarias que já atuam na região em que você pretende abrir o seu negócio?
– Quais sabores elas oferecem aos clientes?
– Com quais tipos de pizza elas trabalham?
– Em quais modelos esses concorrentes atuam?
– Quais são as pizzarias de maior sucesso na região?
– O que elas têm como diferencial e atrativo? 

Depois de levantar essas informações, você terá uma visão mais clara sobre o mercado em que deseja abrir uma pizzaria.

📈 As preferências dos consumidores

– Quais são as pizzas mais populares nas pizzarias da sua região?
– Analisando sites, aplicativos e outras plataformas online, a que se referem os elogios deixados pelos consumidores sobre as pizzarias da sua localidade? E quais são as reclamações mais comuns?
– Existe alguma pesquisa que aborde as preferências de sabores dos consumidores na sua cidade? 

Fazer esse estudo vai ajudá-lo a entender melhor as preferências dos consumidores em relação a pizzas e pizzarias.

🍅 Os tipos de pizza e ingredientes que vai trabalhar

– Quais são os tipos de pizza que a sua pizzaria oferecerá – só brasileira ou pensa também em oferecer pizzas italianas ou americanas?
– Quais serão os sabores disponíveis em seu cardápio?
– Sua pizzaria vai oferecer só sabores clássicos ou pensa em criar sabores próprios?
– Quais são suas exigências mínimas em relação aos ingredientes? Serão todos orgânicos? Há possibilidade de criar um menu vegetariano ou vegano? 

É importante estabelecer de antemão essas questões inclusive para poder direcionar suas compras e seu orçamento.

Leia também!

Gestão de compras: dicas para fazer compras eficientes em fornecedores de alimentos

🍕 O modelo da pizzaria 

– Você vai trabalhar só com um modelo de venda ou pensa em combinar alguns tipos? Por exemplo: pizzaria à la carte, mas com opção de delivery também.
– Quais serão os canais para pedido?
– Como serão feitas as entregas (por entregadores de terceiros – por meio de aplicativos – ou com profissionais e veículos próprios)? 

Entender como você irá estabelecer seus processos de venda é fundamental para poder criar um planejamento realmente completo e eficiente.

🎯 Os diferenciais do seu negócio 

– Quais serão os diferenciais da sua pizzaria em termos de serviços?
– E no que se refere aos tipos de pizzas ou sabores, como ela se vai se destacar dos concorrentes em sua região?
– Você pretende utilizar algum ingrediente especial ou desenvolver sabores exclusivos?
– Como esses diferenciais podem ser comunicados? 

Depois de conhecer melhor seu mercado e seu público, ficará mais fácil entender como criar diferenciais que realmente destacarão sua pizzaria e chamarão a atenção dos consumidores.

Além disso, também é importante aproveitar esse momento para iniciar um planejamento relativo às ações de marketing, sobre as embalagens que serão usadas e, ainda, sobre as modalidades de serviço de entrega. Afinal, essas questões impactarão no seu orçamento e também no seu modelo de negócios.

Os artigos abaixo podem ajudá-lo nesse sentido. Não deixe de ler!

Leituras recomendadas:

Embalagens para alimentos: como escolher a melhor opção para o seu produto
Como oferecer delivery de comida
Marketing para delivery: como divulgar seu serviço de entrega em domicílio
Dicas de marketing para MEI e profissionais autônomos: 5 ações baratas para impulsionar seu negócio
Como se diferenciar da concorrência sendo MEI no mercado de food service

Informações importantes para quem está pensando em montar uma pizzaria

Informações importantes para quem está pensando em montar uma pizzaria

A seguir, listamos algumas das questões fundamentais para o funcionamento de uma pizzaria que vão ajudá-lo a entender melhor como direcionar seu investimento.

✅ Estrutura necessária para montar uma pizzaria 

Segundo indicações do Sebrae, a área mínima necessária para uma pizzaria é de aproximadamente 80 m². Se o estabelecimento estiver localizado em shopping center, a área poderá ser menor, já que não precisará de banheiro para clientes e de espaço próprio para mesas e cadeiras.

Assim, esta é a estrutura mínima sugerida:

  • Cozinha: espaço para produção das massas e recheios, deve utilizar 30% do espaço total;
  • Escritório administrativo: deve ocupar um espaço mínimo, pois será utilizado por apenas uma pessoa;
  • Estoque: espaço para acondicionar alimentos e embalagens (considerar que embalagens ocupam muito espaço);
  • Salão: o espaço mais nobre e amplo, de fácil acesso, é destinado aos clientes e deve corresponder aproximadamente a 40% da área total;
  • Banheiros: pequeno espaço dividido em dois banheiros.

Observação!

Caso opte por montar uma pizzaria que funcione apenas com delivery, esse espaço pode variar, já que não será necessário estrutura para atendimento ao cliente.

Leia também!

Guia prático da gestão de estoque de alimentos e bebidas 

✅ Profissionais necessários para montar uma pizzaria

O primeiro passo é contratar um pizzaiolo qualificado e experiente. Afinal, é o sabor e a qualidade da sua pizza que contam mais para atrair e conquistar os clientes, e ele será o grande responsável por produzir pizzas deliciosas.

Além disso, preocupe-se em contratar profissionais prestativos e educados, pois o atendimento é crucial para oferecer uma experiência positiva aos clientes, e os colaboradores são peças-chave nesse sentido.

Em geral, além do pizzaiolo, estes são os profissionais necessários para manter as operações da pizzaria em dia:

  • Expedição: responsável por receber os pedidos (do caixa ou do garçom) e organizar a saída dos produtos para o garçom ou diretamente para o cliente;
  • Caixa: responsável pelo fechamento das contas dos clientes;
  • Administrativo/estoque: responsável pelas atividades administrativas;
  • Auxiliar de cozinha: responsável pelo apoio ao pizzaiolo;
  • Garçom: responsável pelo atendimento ao cliente;
  • Auxiliar de limpeza: responsável pela limpeza do local.

✅ Equipamentos necessários para montar uma pizzaria 

Entre os equipamentos básicos para o funcionamento de uma pizzaria, podemos citar, por exemplo:

  • Forno: pode ser elétrico, a gás ou a lenha. Se seu objetivo é oferecer a melhor experiência possível aos clientes, opte pelo último;
  • Fogão: doméstico ou industrial, dependendo do tamanho do negócio;
  • Processador de alimentos: agiliza bastante os processos e economiza mão de obra;
  • Máquina para fatiar frios: fundamental para agilizar o corte dos ingredientes que vão na cobertura das pizzas;
  • Masseira: a principal máquina para quem pretende abrir uma pizzaria delivery;
  • Geladeira: escolha uma de pelo menos 540 litros;
  • Freezer: opte por modelos acima de 400 litros;
  • Refrigerador para bebidas: os fornecedores oferecem em comodato, o que ajuda a economizar;
  • Balança digital: escolha uma de boa precisão e alta capacidade;
  • Condimentadora e pizzaiola: base e recipientes inox que receberão os ingredientes de montagem;
  • Gaveteiro para as massas: avalie qual melhor se adapta ao seu projeto;
  • Pá de madeira, ferro ou alumínio: para colocar e retirar as pizzas do forno;
  • Espátulas, conchas, cutelos e facas grandes, tábuas de corte e rolos de polietileno;
  • Recipientes plásticos: para o armazenamento de ingredientes.

Agora, é com você! 

Esperamos que as dicas e informações deste artigo o ajudem a planejar com mais cuidado e detalhe a abertura desse seu novo negócio. 

E saiba que você pode contar com o Roldão para a compra dos ingredientes para suas pizzas. Oferecemos os produtos que você precisa, com a melhor qualidade e os melhores preços. Clique aqui, descubra qual é a loja mais perto da sua casa e programe uma visita.

Sucesso!

PS: Nas próximas semanas publicaremos outros conteúdos voltados a auxiliar quem deseja montar uma pizzaria.
Portanto, se você tem alguma dúvida específica ou gostaria de sugerir um assunto para ser abordado por aqui, deixe um comentário. Nossa equipe levará sua opinião em conta na hora de planejar os próximos artigos sobre o tema.

Imagens: Envato Elements

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Cadastre-se e receba conteúdo exclusivo para você, sua casa ou seu negócio.

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram