Como abrir um restaurante de sucesso?

Se você está pensando em investir em um negócio próprio, mas tem dúvidas em relação ao que fazer, o ramo da gastronomia é bem certeiro – desde que você se planeje, claro! Afinal de contas, se tem uma coisa que todo mundo faz é se alimentar, não é mesmo?

E você pode, sim, montar um restaurante de sucesso sem grandes investimentos. O segredo está no planejamento e na visão estratégica. Pensando nisso, hoje vamos apresentar o que você precisa levar em conta para abrir seu próprio restaurante. Dicas de cardápio, equipamentos e tudo que é necessário. Olha só!

O primeiro passo é considerar seu capital inicial para definir se vale a pena começar como delivery (o que é uma ótima oportunidade, principalmente para este momento de quarentena), abrir uma franquia ou começar do zero, por exemplo.

 

ESTRUTURAÇÃO

 

Nesta fase de estruturação, montar um plano de negócios é fundamental, porque a base da proposta é o que serve como norte para todo o desenvolvimento e execução desse projeto, que merece ser próspero. Neste primeiro momento, existem algumas perguntas básicas que você precisa se fazer antes de dar os primeiros passos. São elas:

- Como estão suas finanças?
- Quanto você está disposto a investir?
- Quais equipamentos comprar?
- Qual será a identidade da sua marca?
- Quais os objetivos com seu novo empreendimento?

Quando você considera todas as hipóteses, diminui os riscos de imprevistos e está preparado para lidar com os desafios que podem surgir no meio do caminho.

 

 PLANEJAMENTO

 

Feita a estruturação, é hora de partir para um planejamento detalhado. E, neste caso, a escolha do local se sobressai. A partir dela você consegue estudar qual  público frequenta a região, e isso ajuda a definir melhor os valores a serem cobrados por seus serviços, qual tipo de gastronomia funciona melhor… E, o mais importante, se está dentro do seu orçamento! Todos os seus gastos precisam ser calculados com antecedência, para evitar que você inicie um negócio no vermelho.

OPERACIONAL

 

Definido o ambiente, é chegado o momento de prepará-lo de acordo com sua proposta (arquitetura, decoração…) e começar a pôr a mão na massa. Você deve definir sua equipe, treinar os colaboradores para o atendimento que deseja oferecer, escolher com cuidado seus fornecedores, elaborar o cardápio com o aval de um nutricionista, investir em equipamentos de qualidade (para evitar problemas e gastos desnecessários com manutenção, reparos e trocas). Inclusive, no que diz respeito aos equipamentos, considere os essenciais, como: fogão industrial, freezer e geladeira, bancadas de inox, utensílios de cozinha de inox, mobiliário e utensílios para o salão, equipamentos para administração…

E, para que tudo transcorra bem, todas as regras sanitárias devem estar de acordo com a Anvisa. Senão, você poderá enfrentar contratempos desagradáveis, como multas e interdições pela fiscalização. Atente-se às obrigações do estabelecimento (materiais a serem utilizados, locais de higiene e armazenamento de produtos) e outros detalhes, como materiais recomendados e afins.

 

Como abrir um restaurante de sucesso

DIVULGUE, INVISTA NA PROMOÇÃO DE SEU NEGÓCIO!

 

Por último, mas não menos importante, está o marketing do seu restaurante. Independente do tamanho e do segmento de mercado, você precisa investir na comunicação e fazer uma divulgação inteligente e estratégica do seu negócio. Manter um cliente pode custar a você até 70% menos do que a aquisição de novos consumidores, sabia? Por isso, esteja presente nas redes sociais, tenha um site, invista em e-mail marketing – sempre produzindo conteúdos relevantes, realizando promoções especiais, preparando novidades para datas comemorativas.

COMO CRIAR UM CARDÁPIO?

 

Após analisar e organizar todas as questões citadas acima, principalmente quanto à localização, chegou o momento de definir que tipo de comida o restaurante servirá. Você pode definir que seu restaurante servirá apenas comidas caseiras,ou saladas, ou massas. A melhor forma de decidir isso é analisar o público que está em torno. Veja alguns outros exemplos que podem inspirá-lo:

- Comidas fitness
- Comidas regionais, como  a mineira
- Comida japonesa
- Comida alemã
- Comida vegana
-  Self service
-  À la carte

Enfim, são muitas as possibilidades de que tipo de restaurante abrir. O importante, antes de qualquer coisa, é que você tenha planejamento e realmente desenvolva uma estratégia. Assim, é muito provável que consiga colher muitos frutos de seu negócio.

E, com toda a certeza, saiba que pode contar sempre com o Roldão Atacadista para fornecer a você produtos com muita qualidade e variedade em seu restaurante. Será um prazer contribuir com a sua história de sucesso.

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA TAMBÉM

Cadastre-se e receba conteúdo exclusivo para você, sua casa ou seu negócio.

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram